VIOLÊNCIAS QUE NÃO DÃO AUDIÊNCIA!!

Somos contrários a violência, venha de onde vier, mas existem algumas coisas que não podem simplesmente passar. O governo está se organizando para de alguma maneira coibir as ações dos vândalos mascarados que destroem o patrimônio público e arranham a imagem do Brasil lá fora, tudo bem não vamos discordar de nada disso. Contudo cabe uma pergunta: o que será feito para conter os VÂNDALOS que estão de terno e gravata nas nossas casas legislativas?

Nada justifica a violência, mas devemos entender que muito do que está acontecendo agora é reflexo da omissão e por vezes da ação do próprio Estado, as pessoas não se sentem representadas e alguns mais exaltados se utilizam das armas que o PRÓPRIO ESTADO já fez uso e ainda faz para impor suas ideologias, falo da VIOLÊNCIA, caso pensem que estou divagando, basta lembrar do nosso passado recente e das marcas provocadas pela ditadura.

Contudo não vou falar exclusivamente da violência expressa no tiro, na porrada e na bomba, vou falar dos atos sutis, sim daqueles que a grande mídia não relata a todo instante( repetindo: não relata a todo instante, a conveniência faz parte), mas que são como um câncer, pois destroem as bases sociais e fragilizam-nos.

Começo lembrando experiências pessoais, sim elas são muito úteis, sou professor da rede pública e canso de ver alunos sem professores de determinadas disciplinas durante boa parte do ano letivo, uma vez ou outra a televisão relata o fato, mas a verdade é que não há uma cobrança efetiva para que o problema seja solucionado; fora a falta de professores, podemos falar também da falta de estrutura, sim muitas de nossas escolas estão em situação precária, falta tudo, desde o giz até o próprio prédio, já que em muitas regiões do país as aulas acontecem em locais improvisados, se falta giz, se falta prédio, imaginem os senhores se lá existirão laboratórios. Como um professor de ciências pode dar uma boa aula sem um laboratório descente? A reflexão cabe para as aulas de química, física e matemática, laboratórios de idioma seriam muito utópicos.

Saindo da área de educação podemos entrar no campo dos transportes públicos, sou usuário do sistema e posso falar com propriedade, não encontro um adjetivo melhor que CAÓTICO para definir o transporte público em minha cidade, mas não duvido que este mesmo adjetivo caiba para o sistema de quase todo o país, ainda somos extremamente dependentes das rodovias( conservadas por tatus), mesmo sabendo o quão maravilhoso seria o investimento em trilhos( metro e trem)!! O meio ambiente e a população agradeceriam se o nosso sistema de transporte público fosse baseado nas ferrovias. Não quero ser simplista, mas acredito que até o custo da cesta básica seria diferente, diferente para melhor, pois o transporte de carga poderia ser feito com mais velocidade e menos custos, logo os produtos sofreriam uma redução nos preços! Infelizmente nossos trens e metros(os poucos que temos) dão panes a todo instante, desde os atrasos rotineiros até os problemas oriundos da falta de manutenção. O que o poder público faz? Nada.

E o SUS? Temos um sistema público de saúde lindo e maravilhoso, não posso atacá-lo, não temos nenhum problema grave que mereça comentário, basta dizer que o paciente é tratado com todas as honras que faz jus, não poderia deixar de mencionar o respeito e a valorização que os profissionais da área recebem. Termino dizendo que nossos hospitais estão entre os mais modernos do mundo, quiça do universo. Amigos não estou louco, apenas lendo a LEGISLAÇÃO DO SUS.

No papel temos as leis mais lindas, no papel tudo funciona, mas saindo do papel e vindo para o mundo real tudo muda. E nessa hora falamos das Violências que não dão audiência, estas cometidas com sutileza, o desrespeito as regras por parte do próprio ESTADO, temos um Estado violento, ele ignora as leis que criou( ou só eu não estou vendo a vida digna que todos os brasileiros estão levando?). Onde está a mídia para fazer esta cobrança? Estas ações violentas têm, destruído a vida de muitos brasileiros, a corrupção é mais letal para o país do que qualquer pedra atirada contra a vidraça de uma instituição financeira!! Não adianta dizer que a mídia denunciou um político X, pois antes dele tem outras letras e depois dele temos o Y e o Z!!! TENHO DITO!!!

logo-rachadura-social-pb

Próxima anterior
Segunda-feira no trânsito.
Próxima postagem
GRATUIDADE PARA ESTUDANTE